Audiência Jubilar: abrir à misericórdia para mudar de vida

20 de junho de 2016 at 5:23 Deixe um comentário

2016-06-18 Rádio Vaticana

 

Sábado, dia 18 de junho – decorreu na Praça de S. Pedro mais uma audiência jubilar neste Ano Santo da Misericórdia. O Santo Padre na sua catequese falou sobre misericórdia e conversão.

Conversão e perdão dos pecados são dois aspectos qualificativos da misericórdia de Deus e “hoje tomamos em consideração a conversão” – disse o Papa.

Segundo Francisco, conversão significa «voltar para o Senhor», pedindo-Lhe perdão e mudando estilo de vida. Jesus fez precisamente desta conversão o primeiro apelo da sua pregação: «O Reino de Deus está próximo. Convertei-vos e acreditai no Evangelho».

No entanto – observou o Santo Padre – “quando Jesus chama à conversão, não o faz do alto como se fosse juiz das pessoas, mas torna-Se solidário e próximo delas; compartilhava a condição humana, fazendo-Se companheiro de estrada, entrando nas casas, sentando-Se à mesa”.

Com este seu comportamento, o Senhor tocava profundamente o coração das pessoas, e estas sentiam-se atraídas pelo amor de Deus e impelidas a mudar de vida – sublinhou o Papa.

Assim sucedeu a Mateus e a Zaqueu: converteram-se, mudaram de vida, porque se sentiram amados por Jesus e, através d’Ele, pelo Pai – recordou Francisco.

Na presença amável de Jesus, transparecia a misericórdia divina pelas pessoas extraviadas: procurava envolvê-las na sua história de salvação, abrindo-se à graça – afirmou o Santo Padre.

Quando acolhemos o dom da graça, acontece a verdadeira conversão, e um sinal claro da sua autenticidade é dar-se conta das necessidades dos irmãos e procurar remediá-las – disse o Papa que no final da sua catequese fez um apelo de mudança de vida a todos os que o ouviam:

“Quantas vezes sentimos a exigência de uma mudança que envolva toda a nossa pessoa! Sigamos este convite do Senhor e não façamos resistência, porque somente se nos abrirmos à sua misericórdia é que encontraremos a verdadeira vida e a verdadeira alegria”.

O Santo Padre saudou também os peregrinos de língua portuguesa:

“Queridos peregrinos de língua portuguesa, sede bem-vindos! A todos vos saúdo, convidando-vos a pedir ao Senhor uma fé grande para verdes a realidade com o olhar de Deus, e uma grande caridade para vos aproximardes das pessoas com o seu coração misericordioso. Confiai em Deus, como a Virgem Maria! Sobre vós e vossas famílias, desça a bênção do Senhor.”

O Papa Francisco a todos deu a sua bênção!

(RS)

Anúncios

Entry filed under: Santo Padre. Tags: .

Décimo Terceiro Domingo do Tempo Comum – Eu te seguirei para onde quer que fores – São Lucas 9, 51 – 62 – Dia 26 de junho de 2016 Francisco: o Pai-Nosso é a pedra angular da oração

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


ADMINISTRADORA DO BLOG:

Jane Amábile

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 198 outros seguidores

Categorias


%d blogueiros gostam disto: