Das Cartas de São Máximo Confessor, abade

20 de março de 2016 at 5:44 Deixe um comentário

Nada é tão grato a Deus e conforme ao seu amor como a conversão dos homens a Ele com sincero arrependimento. E para dar a maior prova da bondade divina, o Verbo de Deus… dignou-Se habitar entre nós por meio da Encarnação; e realizou, padeceu e ensinou tudo o que era necessário para que nós, seus inimigos e adversários, fôssemos reconciliados com Deus.

O Verbo divino não Se limitou a curar as nossas enfermidades com o poder dos seus milagres… com muitas palavras e exemplos nos ensinou a imitá-l’O na bondade, na compreensão e na perfeita caridade fraterna. Por esta razão exclamava: Eu não vim chamar os justos mas os pecadores, para que se convertam. E também: Não são os que têm saúde que precisam do médico, mas os que estão doentes. Disse ainda que viera procurar a ovelha perdida […].

A este propósito contou a parábola do bom samaritano: àquele homem que caíra nas mãos dos salteadores e fora despojado de todas as suas vestes, maltratado e deixado meio morto, ligou-lhe as feridas, tratou-as com vinho e azeite e, tendo-o colocado no seu jumento, levou-o à estalagem para lhe prestarem assistência; pagou os primeiros cuidados e prometeu satisfazer no regresso a todos os gastos restantes.

Mostrou-nos a condescendência e bondade do pai que recebe afetuosamente o regresso do filho pródigo, o abraça porque vem arrependido, o reveste novamente com as insígnias da sua nobreza familiar e esquece todo o mal cometido. Ele reconduz a ovelha que se apartara das outras cem ovelhas de Deus: encontrou-a errante por montes e colinas e, sem a forçar nem açoitar nem ameaçar, antes pelo contrário, pondo-a aos ombros, cheio de compaixão, a trouxe de novo para o redil.

E assim exclamava: Vinde a Mim, vós todos que andais cansados e oprimidos, e Eu vos aliviarei. E ainda: Tomai o meu jugo sobre vós; chama jugo aos seus mandamentos, isto é, à vida segundo os preceitos do Evangelho; e, chamando-lhes também carga, porque a penitência dá um aspecto mais pesado e duro, acrescenta: O meu jugo é suave e a minha carga é leve.

Fonte: Vaticano

Anúncios

Entry filed under: Reflexão da Palavra. Tags: .

Na festa de são José o Papa postará a primeira foto – @Franciscus chega ao Instagram Salve, ó Cristo Obediente – canto de aclamação

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


ADMINISTRADORA DO BLOG:

Jane Amábile

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 224 outros seguidores

Categorias


%d blogueiros gostam disto: