Archive for outubro, 2011

Orações para Crianças

Oi, Crianças!

Eis algumas orações para vocês rezarem todos os dias.

1ª- Papai do Céu, logo que acordo penso sempre em você. Quero o Senhor abençoe o meu dia que começa e que você esteja junto comigo em todos os dias de minha vida. Obrigado Papai do Céu. Amém.

2ª –Obrigado Senhor pela minha vida, pela minha saúde, pela minha família e por todos os meus amiguinhos. Senhor Jesus ensina-me a ser uma criança cheia de fé e de amor, ensina-me a crescer nos teus caminhos, concede Senhor aos meus pais sabedoria, paz, trabalho e saúde. Ajuda-me Senhor a ser uma criança obediente a Ti, aos meus pais e a todos aqueles a quem devo obedecer. Amém.
Anúncios

31 de outubro de 2011 at 12:15 Deixe um comentário

O sacramento da Penitência

JOÃO PAULO II

Quarta-feira 15 de Setembro de 1999

    1. O caminho em direção ao Pai, proposto para a reflexão especial deste ano de preparação para o Grande Jubileu, implica também a redescoberta do sacramento da Penitência, no seu significado profundo de encontro com Aquele que perdoa, mediante Cristo, no Espírito (cf. TMA, 50).

Diversos são os motivos por que urge na Igreja uma séria reflexão sobre este sacramento. Antes de tudo, ela é requerida pelo anúncio do amor do Pai, como fundamento do viver e do agir cristão, no contexto da atual sociedade onde muitas vezes resulta ofuscada a visão ética da existência humana. Se muitos perderam a dimensão do bem e do mal, é porque extraviaram o sentido de Deus, interpretando a culpa só segundo perspectivas psicológicas ou sociológicas. Em segundo lugar, a pastoral deve dar novo impulso a um itinerário de crescimento na fé, que ressalte o valor do espírito e da prática penitencial em todo o arco da vida cristã.

2. A mensagem bíblica apresenta essa dimensão “penitencial” como empenho permanente de conversão. Fazer obras de penitência supõe uma transformação da consciência, que é fruto da graça de Deus. Sobretudo no Novo Testamento, a conversão é pedida como opção fundamental àqueles aos quais é dirigida a pregação do reino de Deus:  “Convertei-vos e crede no Evangelho” (Mc 1, 15; cf. Mt 4, 17). Com estas palavras Jesus inicia o seu ministério, anuncia o cumprimento dos tempos e a iminência do reino. O “convertei-vos” (em grego:  metanoéite) é um apelo a mudar o modo de pensar e de se comportar.

3. Este convite à conversão constitui a conclusão vital do anúncio feito pelos Apóstolos depois do Pentecostes. Nele o objeto do anúncio é manifestado de forma plena:  já não é genericamente o “reino”, mas a própria obra de Jesus, inscrita no plano divino prenunciado pelos profetas. Ao anúncio de quanto ocorreu com Jesus Cristo, morto, ressuscitado e vivo na glória do Pai, segue o premente convite à “conversão”, à qual está ligado também o perdão dos pecados. Tudo isto emerge de maneira preclara no discurso que Pedro faz no pórtico de Salomão:  “Deus cumpriu o que antecipadamente anunciara pela boca  de  todos  os  profetas:   que  o  Seu Messias havia de padecer. Arrependei-vos,  portanto,  e  convertei-vos,  para que os vossos pecados sejam apagados” (Act 3, 18-19).

No Antigo Testamento este perdão dos pecados é prometido por Deus no contexto da “nova aliança”, que Ele estabelecerá com o seu povo (cf. Jr 31, 31-34). Deus escreverá a lei no coração. Nessa perspectiva, a conversão é um requisito da definitiva aliança com Deus e, ao mesmo tempo, uma atitude permanente daquele que, acolhendo as palavras do anúncio evangélico, começa a fazer parte do reino de Deus no seu dinamismo histórico e escatológico.

4. O sacramento da Reconciliação veicula e torna visíveis de maneira misteriosa estes valores fundamentais anunciados pela Palavra de Deus. Ele insere de novo o homem no contexto salvífico da aliança e reabre-o para a vida trinitária, que é diálogo de graça, circulação de amor, dom e acolhimento do Espírito Santo.

Por ocasião do Jubileu, uma cuidadosa releitura do Ordo Paenitentiae ajudará não pouco a aprofundar as dimensões essenciais deste sacramento. A maturidade da vida eclesial depende, em grande parte, da sua redescoberta. O sacramento da Reconciliação, de fato, não se conclui no momento litúrgico-celebrativo, mas conduz a viver a atitude penitencial enquanto dimensão permanente da experiência cristã. Ele é “uma aproximação da santidade de Deus, um reencontro da própria verdade interior, obscurecida e transtornada pelo pecado, um libertar-se no mais profundo de si próprio e, por isso, um reconquistar a alegria  perdida  de  ser  salvo,  que  a maioria dos homens do nosso tempo já não sabe saborear” (Reconciliatio et paenitentia, 31, III).

5. No que concerne aos conteúdos doutrinais deste sacramento, remeto à Exortação ApostólicaReconciliatio et paenitentia (cf. nn. 28-34) e ao Catecismo da Igreja Católica (cf. nn. 1420-1484), assim como às outras intervenções do Magistério eclesial. Nesta circunstância, desejo evocar de novo a importância do cuidado pastoral necessário para a valorização deste sacramento no povo de Deus, para que o anúncio da reconciliação, o caminho de conversão e a própria celebração do sacramento possam tocar ainda mais os corações dos homens e das mulheres do nosso tempo.

Em particular, desejo recordar aos pastores que só se é bom confessor se se for autêntico penitente. Os sacerdotes sabem que são depositários dum poder que vem do alto:  com efeito, o perdão por eles transmitido “é o sinal eficaz da intervenção do Pai” (RP, 31, III), que faz ressurgir da morte espiritual. Por este motivo, vivendo com humildade e simplicidade evangélica uma dimensão tão essencial do seu ministério, os confessores não descuidem o próprio aperfeiçoamento e actualização, para que nunca lhes faltem aquelas qualidades humanas e espirituais que são tão necessárias para a relação com as consciências.

Mas juntamente com os pastores, é a inteira comunidade cristã que deve estar envolvida na renovação pastoral da Reconciliação. Impõe-no a “eclesialidade” própria do sacramento. A comunidade eclesial é o seio que acolhe o pecador arrependido e perdoado e, antes ainda, cria o ambiente adequado para um caminho de retorno ao Pai. Numa comunidade reconciliada e reconciliante os pecadores podem reencontrar o caminho perdido e a ajuda dos irmãos. E por último, através da comunidade cristã, pode ser delineado de novo um sólido caminho de caridade, que torne visíveis através das boas obras o perdão readquirido, o mal reparado e a esperança de ainda poder encontrar os braços misericordiosos do Pai.

31 de outubro de 2011 at 0:11 Deixe um comentário

Oração à Sagrada Face


Ó Senhor Jesus, que eu possa olhar para a vossa Sagrada face tão desfigurada pelo sofrimento e, ver nela as consequências dos meus pecados. Vem em meu auxílio, Senhor, pois quero fazer um firme propósito de guardar os Mandamentos e viver segundo a vossa Palavra.  Peço- vos Jesus Cristo, que  não olheis as minhas fraquezas, mas a vossa infinita  misericórdia. Perdoai-me, Senhor! Fortalecei-me com o dom do Espírito Santo para que eu possa a cada dia, crescer mais na fé, na esperança e na caridade. Amém.

30 de outubro de 2011 at 12:22 Deixe um comentário

Nada temas

30 de outubro de 2011 at 1:18 Deixe um comentário

Os Dons e os Frutos do Espírito Santo

Oi Crianças!

Já vimos que no sacramento do Batismo recebemos o Espírito Santo,

Que nos purifica do pecado original.

O Espírito Santo também enche de dons e de frutos o nosso coração,

Que vão nos capacitar a viver a santidade,

E poder ajudar nossos irmãos a serem santos também.

Os dons e os frutos do Espírito Santo são muitos, mas vamos citar alguns:

Os Dons de:  sabedoria, inteligência, conselho, ciência, fortaleza, piedade e temor de Deus. (Isaías 11, 2)

Os frutos: amor, alegria, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fidelidade, mansidão, domínio próprio. (Gálatas 5, 22-23)

E ainda tem os dons carismáticos que são dons de: cura, milagres, profecia, línguas, etc… (1 Coríntios 12, 8-10)

                     Jane Amábile

29 de outubro de 2011 at 11:59 Deixe um comentário

Dia Nacional da Juventude 2011- Dia 30 de Outubro

 

 À apenas dois dias do encontro da juventude capixaba católica, a mobilização e envolvimento dos jovens é enorme e, a montagem na Praça do Papa, já sinaliza que o evento será grande.

Os jovens que estão envolvidos na preparação prometem uma programação para segurar os jovens animados durante todo o dia.

Alguns destaques para incentivar os ainda indecisos:

 Às 7h concentração na Praia de Camburi e Marcha contra a violência e o extermínio de jovens. Às 10h a Marcha encontra-se com a Imagem peregrina de Nossa Senhora da Penha que vem do convento para esta ocasião e, atrás da imagem, deixando-se guiar pela mãe de Jesus e de todos nós, a juventude ocupará a Praça do Papa para um dia de manifestações de fé e alegria. Às 10:30h missa presidida pelo Arcebispo de Vitória e concelebrada pelos bispos das dioceses de S. Mateus, Colatina e Cachoeiro de Itapemirim. Depois diversas atrações culturais, exposições e iniciativas dos jovens das quatro dioceses de nosso Estado.

Para receber a imagem peregrina de Nossa Senhora as crianças e adolescentes das Pastorais da Criança e do Menor farão um corredor entre os jovens cobrindo o chão de flores para receber a Senhora das Alegrias.

As comemorações serão encerradas com a apresentação da Banda Afroreggae.

Todos, principalmente os jovens, estão convidados a fazer parte desta festa da juventude capixaba católica.

Fonte: site da Arquidiocese de Vitótia

29 de outubro de 2011 at 0:40 Deixe um comentário

Oração pelos povos – Guatemala

Nossa Senhora do Rosário, rogai por nós!

Oração do Papa João Paulo II ao povo da Guatemala:

Desejo ardentemente que o nobre povo guatemalteco, sedento de Deus e dos valores espirituais, desejoso de paz e de reconciliação, tanto consigo mesmo como com os povos vizinhos e irmãos, de solidariedade e justiça, possa viver e gozar da dignidade que lhe pertence. Confio-me à proteção do Santo Cristo de Esquipulas e sinto – me profundamente unido aos diletos filhos de toda a Guatemala.

28 de outubro de 2011 at 12:06 Deixe um comentário

Posts antigos


ADMINISTRADORA DO BLOG:

Jane Amábile

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 214 outros seguidores

Categorias