Magnificat

25 de novembro de 2010 at 12:06 Deixe um comentário

 

E Maria disse: Minha alma glorifica ao Senhor,

meu espírito exulta de alegria em Deus, meu Salvador,

porque olhou para sua pobre serva. Por isto, desde agora, me proclamarão bem-aventurada todas as gerações,

porque realizou em mim maravilhas aquele que é poderoso e cujo nome é Santo.

Sua misericórdia se estende, de geração em geração, sobre os que o temem.

Manifestou o poder do seu braço: desconcertou os corações dos soberbos.

Derrubou do trono os poderosos e exaltou os humildes.

Saciou de bens os indigentes e despediu de mãos vazias os ricos.

Acolheu a Israel, seu servo, lembrado da sua misericórdia,

conforme prometera a nossos pais, em favor de Abraão e sua posteridade, para sempre.

Maria ficou com Isabel cerca de três meses. Depois voltou para casa 

 O Magnificat é a interpretação mais verdadeira da História (CN) 

Bento XVI: O Magnificat é a interpretação mais verdadeira da História

Reconhecer, como Maria, que a grandeza de Deus liberta o homem do medo.

“O Magnificat de Maria, à distância de séculos e milênios, permanece a interpretação mais verdadeira e profunda da História, enquanto que as leituras de tantos sábios deste mundo são desmentidas no decorrer dos séculos”.

Desta forma, Bento XVI recordou o cântico de louvor de Maria diante Isabel, na festa da visitação de Virgem Maria na Praça de São Pedro no fim da celebração mariana que concluiu o mês de Maio.

Neste cântico “existe uma autentica e profunda leitura ‘teológica’ da História, explicou ainda o Papa, a fé de Maria “fê-la ver que os tronos dos poderosos deste mundo são todos provisórios, enquanto que o trono de Deus é a única rocha que não muda nem cai.” Voltemos a casa, foi o seu convite aos numerosos fiéis presentes na Praça com Magnificat no coração. “A Minha glorifica o Senhor”.

Maria reconhece a grandeza de Deus. Este é o primeiro sentimento indispensável dá fé; o sentimento que dá segurança a criatura humana e que a liberta do medo, mesmo no meio das tempestades da história.

 

Entry filed under: Textos Bíblicos. Tags: .

VEM, SENHOR JESUS! ( Ap 22,20) Benedictus

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


ADMINISTRADORA DO BLOG:

Jane Amábile

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 319 outros seguidores

Categorias


%d blogueiros gostam disto: